2016/07/30


baby:
suponho que os raros [entre os poucos] tentariam sobrepor a blindagem. seja bem-vindo.

2016/07/25


baby:
sobrevivo aos movimentos bruscos da vida - e à solidão que o amor me impõe.

2016/07/21


baby:
cultivar a distância é me matar um pouco mais.

2016/07/13


baby:
sim, eu sou assim. incurável & insistente. doente & senil.

2016/07/09


baby:
nunca a culpa. sempre a vontade - de voltar.

2016/07/04


baby:
a saudade privilegia a doçura dos gestos - e a indisciplina do espírito.