2015/09/27


baby:
a verdade, minha, nua, inteira, nossa, é que não estás aqui — como sempre.

0 Comments:

Post a Comment

Subscribe to Post Comments [Atom]

<< Home