2013/06/07

baby:
não sente vergonha, mas também não me toma pela mão. prefere o corpo sem nome, as ações não assinadas e os laços que se desmancham ao amanhecer do dia.

0 Comments:

Post a Comment

Subscribe to Post Comments [Atom]

<< Home