2012/05/27

baby:
és livre — no teu mundo de faz de conta. porque é nele que a liberdade não tem preço, nem gera fiança ou quebras contratuais. imagino como é viver assim, acumulando restrições & condicionamentos indolores até pra quem duvida e sai metralhando, enquanto o carro faz a curva — e o sinal volta a abrir.

0 Comments:

Post a Comment

Subscribe to Post Comments [Atom]

<< Home